Queda de Cabelo

Tratamentos Caseiro Para Ter os Cabelos Lisos

Sem dúvida, cabelos lisos parecem muito mais bonitos e é por isso que nesta ocasião eu quero recomendar alguns tratamentos caseiros para ter cabelos lisos com ingredientes econômicos e fáceis de obter.

Lembre-se de que esses produtos são naturais, o que significa que seu cabelo não continuará exposto a substâncias químicas nocivas que acabam se acumulando no cabelo e no couro cabeludo, afetando a saúde dele. É disso que eu mais gosto nesses tratamentos que vou falar com você, porque sempre acreditei que, com o que a natureza nos dá, podemos parecer incrivelmente bonitos.

Esses tratamentos caseiros para cabelos lisos podem ser aplicados uma ou duas vezes por semana; você verá que, quando passar ou secar o cabelo com um secador, o cabelo ficará mais macio e durará mais tempo; se você tiver cabelos lisos naturais, também perceberá Que seu cabelo é mais saudável e bonito.

Outra ótima opção que não precisa de química é fazer o uso do Lise Hair, esse produto é um alisante natural que está sendo usado por várias mulheres.

Como ter cabelos mais lisos com tratamentos naturais

1. Óleos naturais
Não é apenas um dos mais eficazes, é um dos tratamentos caseiros para ter cabelos lisos mais velhos. Escolha um óleo natural (pode ser coco ou azeite) e deixe aquecer no microondas ou no caldeirão em fogo médio. O óleo deve ser aquecido o suficiente para que fique mais líquido, mas não tanto que você não possa aplicá-lo ao cabelo.

Aplique o óleo no cabelo e no couro cabeludo massageando por cerca de 15 minutos. Depois disso, mergulhe uma toalha em água quente, aperte-a e coloque-a sobre a cabeça, deixando-a por 40 minutos. Finalmente, lave o cabelo com o shampoo e penteie o cabelo ainda molhado com uma escova de dentes espessa e separada. Se você usar uma escova de cerdas ou dentes muito estreitos e finos, o que você fará é quebrar o cabelo. Deixe secar ao ar.

2. Leite de coco
Em um jarro, despeje uma xícara de leite de coco e o suco de limão. Coloque o jarro na geladeira e deixe-o lá até começar a ver que ele formou uma espécie de camada. Remova com cuidado essa camada da jarra e despeje-a em um recipiente e aplique nos cabelos e no couro cabeludo, massageando e deixando agir por cerca de 20 minutos. Coloque uma touca de banho e coloque uma toalha umedecida em água quente e espremida por cima. Você sairá por 30 minutos.

A ideia disso é que o calor do corpo e a toalha ajudam o cabelo e o couro cabeludo a absorver melhor a máscara. Após meia hora, lave com seu xampu e condicionadores habituais. Escove com uma escova de dentes espessa e separada, deixando secar ao ar.

3. Leite O
leite suaviza a pele e o cabelo. Misture quantidades iguais de água e leite integral em uma tigela. Despeje esta mistura em um recipiente de spray e aplique a mistura em todo o seu cabelo e, em seguida, escove o cabelo. Deixe por 30 minutos, lave com o shampoo habitual e aplique o condicionador.

4. Ovos e azeite
Bata dois ovos muito bem e adicione a essas duas colheres de sopa de azeite. Você aplicará essa mistura no cabelo e no couro cabeludo como uma máscara. Comece a escovar os cabelos com uma escova de dentes espessa e separada e coloque uma touca de banho que você deixará por cerca de 40 minutos. Enxágüe com o shampoo habitual e água morna.

5. Aloe vera


Misture partes iguais de gel de aloe vera com azeite quente em uma tigela, aplicando a mistura no couro cabeludo e no cabelo. Coloque uma touca de banho e deixe por cerca de duas horas e depois lave o cabelo com o shampoo habitual.

Queda de Cabelo

Alopecia após cirurgia bariátrica

Alopecia ou queda de cabelos é um problema bem comum após a cirurgia bariátrica. Quando a pessoa se submete a este tipo de cirurgia ocorrem muitas alterações fisiológicas e anatômicas no seu corpo. Estas alterações afetam as vias de ingestão prejudicando a absorção dos nutrientes necessários para a saúde dos fios, e por algum acaso isso acontecer e vir as falhas, você pode fazer o uso do make hair que ajuda a tampar as falhas nos cabelos até a recuperação cirurgica.

As adaptações que o corpo precisa passar após a cirurgia podem ocasionar efeito colaterais pós-operatório e a queda dos cabelos é uma delas.

Se isto acontece, provavelmente o médico que acompanha o paciente vai recomendar o consumo de alimentos ricos em proteínas como carne, leite, queijo branco, cereais integrais, feijão, grão de bico e outros. São recomendados também alimentos ricos em zinco que são encontrados nos legumes, amendoim etc.

O problema é que, após a cirurgia, o paciente passa por uma fase de adaptação no processo alimentar bem difícil, pois a ingestão de alimentos fica extremamente restritiva em relação a quantidade.

Nem todos os pacientes que passam pela cirurgia bariátrica sofrem de alopecia, mas como já dissemos é um problema bem comum, visto que seu organismo passa por severas restrições alimentares.

Quando isto ocorre não é definitivo. Geralmente inicia de 3 a 4 meses após a cirurgia e vai até o oitavo mês.

Principais causas

  • Alimentação inadequada pré-operatória

É sempre recomendado que o paciente esteja gozando de plena saúde ao se submeter à qualquer cirurgia, mas principalmente esta que requer uma restrição alimentar bem severa no seu pós operatório. Esta é uma causa que pode ser evitada se o paciente for bem orientado por seu médico evitando assim o problema de queda de cabelos.

  • Alimentação inadequada pós-operatória

Esta é a principal causa da alopecia bariátrica. Após a cirurgia o paciente passa por uma dieta muito restrita que se torna inadequada para absorção das vitaminas e nutrientes que o organismo necessita.

  • Falta de absorção dos nutrientes

Ocorre também apo a cirurgia bariátrica. O organismos não absorve os nutrientes necessários porque ou está recebendo em quantidade muito pequena (não suficientes para manter o organismo saudável), ou também porque acabam desviando do caminho onde eles são retirados prejudicando a saúde dos fios de cabelo resultando na sua queda.

Após a cirurgia bariátrica nem todos os nutriente e vitaminas necessários podem ser adquiridos através dos alimentos.  Pode ser necessário uma complementação alimentar através de suplementos.

O acompanhamento médico é imprescindível tanto antes como após a cirurgia para que o procedimento seja executado com sucesso, saiba mais detalhes no vídeo abaixo: